Olá! Quer uma ajudinha para descobrir sua faculdade ideal?

Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque sua vaga

    Compare preços e escolha a vaga que cabe no seu bolso.


  2. Garanta sua vaga

    Pague a adesão para garantir sua vaga.


  3. Estude pagando menos

    Aí é só fazer o processo seletivo e a matrícula na faculdade.


Carreiras

Psicologia EaD: Existe o curso na modalidade a distância?

6 de novembro de 2017
psicólogo em atendimento - psicologia ead
Imagem do autor
Escrito poradmin

Você está interessado fazer um curso de Psicologia EaD? Infelizmente, o Brasil ainda não possui uma graduação em Psicologia a distância reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) – mas já temos cursos semipresenciais!

Encontre bolsas de estudo de até 80%

Mas você sabe os motivos por trás dessa decisão? 

Não só o MEC, como também o Conselho Federal de Psicologia (CFP) e a Associação Brasileira de Ensino de Psicologia (ABEP) são contrárias à opção da modalidade EaD para o curso.

A grade de Psicologia conta com atividades que precisam da presença do aluno na instituição, sobretudo para os estudos que envolvem o contato com os pacientes.

Mas se a sua busca pelo ensino a distância faz parte da ideia de economia, saiba que há muitas formas de bancar um curso presencial sem estourar o seu orçamento!

A seguir, vamos explicar melhor como fazer para estudar Psicologia com qualidade pagando menos (em alguns casos, sem desembolsar nem um centavo!) e dar alguns exemplos de boas faculdades reconhecidas pelo MEC.

Isso tudo, sem deixar de falar um pouco sobre o mercado de trabalho, para que você possa avaliar se o investimento vai valer a pena.

Veja também:
+
Áreas de atuação da Psicologia: Conheça as mais promissoras!
+ Ensino a distância: Veja 19 cursos que não podem ser EaD!


Sem curso de Psicologia EaD, como estudar pagando menos?

O governo federal tem dois programas de ampliação do acesso ao ensino superior: o Programa Universidade para Todos (ProUni) e o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES). Em ambos, há vagas para Psicologia todo semestre, no país inteiro. Conheça:

Veja também:
+
EAD ou Presencial: Qual opção é a mais barata?
+ Melhores faculdades EaD do Brasil: Veja a lista!

Programa Universidade para Todos (ProUni)

Concede bolsas de estudo integrais e parciais a estudantes de baixa renda. Para se candidatar a uma vaga é necessário ter obtido pelo menos 450 pontos na média das provas do Enem mais recente.

É importante não zerar a redação, se enquadrar nos requisitos de formação e de comprovar renda familiar bruta mensal de até 1,5 salário mínimo por pessoa, para concorrer a uma bolsa integral, ou até 3 salários mínimos por pessoa, para concorrer a uma bolsa parcial.

Veja também:
+
Conheça as faculdades a distância que aceitam o ProUni
+ Conheça os cursos EaD disponíveis no Prouni!

Fundo de Financiamento Estudantil (FIES)

Esse programa ajuda a pagar as mensalidades da faculdade particular. O valor emprestado pelo governo deverá ser devolvido em parcelas após a formatura, então veja se a proposta é boa para você. 

Para se inscrever no FIES, é preciso apresentar pelo menos 450 pontos na média das provas de qualquer edição do Enem a partir de 2010, sem ter zerado a redação, e se encaixar no requisito de renda familiar (as regras podem mudar conforme o semestre).

Chamamos a atenção para um detalhe: o desempenho mínimo no Enem é exigido para fazer a inscrição, mas não necessariamente garante vaga. 

Tudo depende da instituição de ensino, campus, turno e modalidade de concorrência (cotas ou não). Em alguns casos, a nota de corte de Psicologia no ProUni e no FIES supera os 650 pontos.

Caso você não se encaixe no perfil do ProUni e do FIES, não desista! Há várias outras possibilidades de estudar Psicologia em uma boa faculdade pagando pouco, como por exemplo:

  • Negociando descontos nas mensalidades diretamente com a faculdade
  • Ficando de olho em sites que oferecem bolsas de estudos, como o Quero Bolsa
  • Contratando parcelamentos ou financiamentos da própria faculdade
  • Conseguindo uma bolsa de estudos por mérito
  • Aproveitando convênios da faculdade com outras instituições (talvez a empresa que você ou os seus responsáveis trabalham!)

Agora que você já conhece alternativas para estudar Psicologia pagando menos, já cogitou começar a graduação no segundo semestre?

Veja também:
+
Saiba tudo sobre as Inscrições Fies
+ Quero Bolsa: Conheça o site que te ajuda a pagar menos na faculdade

Como é o mercado de trabalho de Psicologia?

O mercado de trabalho para os psicólogos está em plena expansão!

Segundo uma pesquisa realizada pela Doctoralia, o agendamento de consultas com psicólogos ou psiquiatras aumentou cerca de 155%.

Também conseguimos ver que, nos últimos anos, existe um movimento das redes sociais e da grande mídia em abordar assuntos relacionados a distúrbios e doenças mentais, o que encoraja muita gente a procurar ajuda.

Aos poucos, aquele papo de que quem faz terapia é louco está caindo por terra e as pessoas estão se sentindo mais à vontade para buscar tratamento para as suas angústias.

Outros fatores que vêm aumentando a busca por atendimento são o excesso de informação, a pressão nas redes sociais e crise na vida profissional, medo de perder emprego ou a alta demanda, que pode gerar ansiedade.

No entanto, o mercado de trabalho em Psicologia não se resume somente ao atendimento particular. Há muitas outras áreas de atuação que um profissional formado em Psicologia pode seguir!

Um campo que cresceu muito nos últimos anos é o acompanhamento psicológico em escolas.

Essa área é voltada para orientação educacional voltada a estudantes em fase de decidir que carreira seguir, tratamento e prevenção de questões associadas à infância e adolescência, como bullying, sentimento de inadequação e relacionamentos familiares.

Outra oportunidade de atuação é no departamento de Recursos Humanos das empresas, sabia?

Nesse caso, o psicólogo pode ser responsável por criar técnicas de recrutamento e por zelar pelo bem estar mental dos colaboradores, assegurando um ambiente de trabalho agradável e buscando diminuir o nível de estresse dentro da organização.

Leia também!
+ Profissões em alta: conheça as áreas mais promissoras


Quanto ganha um psicólogo?

Comecemos pelos primeiros passos da carreira: se você for cursar Psicologia, deverá estagiar. Segundo um levantamento da Catho, site especializado em vagas de emprego, o salário médio de um estagiário é de R$ 955,47.

Esse profissional pode receber um salário entre R$ 2.700,00 e R$ 5.998,23 – que é o teto salarial, segundo a pesquisa do Salario.com.br junto a dados oficiais do Novo CAGED, eSocial e Empregador Web.

Ainda de acordo com as informações da pesquisa realizada, a média do piso salarial dos acordos coletivos é de R$ 2.862,80.

Chegando ao nível pleno, temos o psicólogo clínico, cuja remuneração é de cerca de R$3.000. Esse dado considera somente o profissional com diploma de curso superior. Com uma pós-graduação, mestrado ou doutorado, a média vai para R$4.800.

Ainda segundo a Catho, outro fator que pode influenciar bastante a renda é a fluência em outro idioma. Psicólogos que falam e escrevem fluentemente outra língua podem dobrar sua remuneração.

E para quem investe pesado na carreira acadêmica a coisa pode ficar ainda melhor!

O portal de transparência da Universidade de São Paulo (USP), que presta contas aos cidadãos publicando os gastos da faculdade, divulga salários de mais de R$20 mil para alguns professores titulares, que têm doutorado, tempo de casa e dedicação integral ao curso.

Leia também:
+ Descubra quais as profissões mais bem pagas
+ Trabalhar em Casa: As melhores profissões Home Office!

Onde estudar Psicologia pagando menos?

Mesmo não sendo um curso de Psicologia EaD, selecionamos algumas faculdades que oferecem a graduação de forma presencial ou semipresencial com bolsas de desconto! Todas são reconhecidas pelo MEC, olha só!


Veja também:
+ Faculdades Baratas: Veja cursos EaD mais acessíveis!
+ Faculdades de 2 anos: Veja lista dos Melhores Cursos!


Os mais lidos
Áreas da Tecnologia: veja as habilidades mais promissoras!

Áreas da Tecnologia: veja as habilidades mais promissoras!

Por Lucas Loconte em 27/01/2023
Júnior, pleno e sênior: entenda a diferença entre os cargos

Júnior, pleno e sênior: entenda a diferença entre os cargos

Por Amanda Nonato em 06/01/2023
Vale a pena fazer segunda graduação? Veja as possibilidades

Vale a pena fazer segunda graduação? Veja as possibilidades

Por Amanda Nonato em 26/09/2022
O que não fazer no EaD? 5 dicas para o ensino a distância

O que não fazer no EaD? 5 dicas para o ensino a distância

Por Amanda Nonato em 14/09/2022

Estude nas melhores sem sair de casa

As melhores faculdades com ofertas super especiais para você começar a estudar sem sair de casa.