Olá! Quer uma ajudinha para descobrir sua faculdade ideal?

Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque sua vaga

    Compare preços e escolha a vaga que cabe no seu bolso.


  2. Garanta sua vaga

    Pague a adesão para garantir sua vaga.


  3. Estude pagando menos

    Aí é só fazer o processo seletivo e a matrícula na faculdade.


Atualidades

Proteção dos dados: dicas para proteger suas informações na internet

Uma mulher a frente de um fundo branca segura seu notebook em uma mão, para o qual ela está virada sorrindo, enquanto na outra, ela segura um card redondo azul com um ícone de um cadeado trancado branco.

A nossa vida é cada dia mais digital – e essa é uma verdadeira crescente. E claro, simultaneamente deve crescer também nosso cuidado com a proteção de dados pessoais na internet, o que nos últimos anos, tornou-se uma preocupação central.

Encontre bolsas de estudo de até 80%
+ Quer saber se EaD é para você? Faça nosso Teste de Perfil!

Diariamente, compartilhamos informações valiosas que, se não protegidas adequadamente, podem cair em mãos erradas, resultando em sérios prejuízos.

Hoje trouxemos dicas para você garantir a segurança de seus dados online, abordando desde os princípios básicos até práticas avançadas recomendadas por especialistas.

Saiba mais:
+ Melhores cursos EaD para quem quer trabalhar com Segurança

+ “Bug”, “Crashar”: o que significam esses termos?


O que envolve a Proteção de Dados?

A proteção de dados engloba um “conjunto de práticas e tecnologias destinadas a salvaguardar informações pessoais contra acesso não autorizado, uso indevido e violações“. Isso inclui desde a criptografia de dados até a conscientização dos usuários sobre boas práticas de segurança.

Com a introdução de regulamentos como a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) no Brasil, a proteção de informações tornou-se não apenas uma questão de segurança, mas também de conformidade legal.

Saiba também:
+ Dia do Orgulho Geek: o que é e como funciona a comunidade geek

+ Desenvolvedor de aplicativos: veja como se tornar um


A Importância de proteger meus dados

Proteger seus dados é vital para preservar sua privacidade e evitar fraudes. Informações pessoais, como números de documentos, endereços e dados financeiros, são alvos atraentes para criminosos cibernéticos.

Além disso, a segurança dos dados protege a integridade de suas atividades online, evita perdas financeiras e garante que suas interações na rede sejam seguras e confiáveis.

Gostando dessa matéria? Inscreva-se para receber as principais matérias no seu e-mail
Imagem do coletor de lead


7 Dicas para proteger seus dados na internet

Uma pessoa segura um smartphone que está em evidência na imagem. Nele está o símbolo de um cadeado e diversos conectores em tom azul.
  1. Use Senhas Fortes e Autenticação em Duas Etapas: Utilize senhas complexas, combinando letras, números e símbolos. A autenticação em duas etapas adiciona uma camada extra de segurança, exigindo uma segunda verificação além da senha.

  2. Mantenha Seus Dispositivos Atualizados: Atualizações de software frequentemente contêm correções para vulnerabilidades de segurança. Certifique-se de manter seu sistema operacional e aplicativos sempre atualizados.

  3. Cuidado com links e anexos: evite clicar em links ou baixar anexos de remetentes desconhecidos. Phishing é uma técnica comum usada para roubar informações pessoais.

  4. Utilize redes Wi-Fi seguras: evite redes Wi-Fi públicas para transações sensíveis. Se necessário, use uma rede virtual privada (VPN) para proteger sua conexão.

  5. Faça Backup regularmente: realizar backups regulares de seus dados garante que você tenha uma cópia de segurança em caso de perda ou ataque.

  6. Revise as configurações de privacidade: verifique e ajuste as configurações de privacidade em suas contas de redes sociais e serviços online para controlar quem pode ver suas informações.

  7. Seja cauteloso com aplicativos de terceiros: antes de instalar qualquer aplicativo, verifique sua reputação e permissões solicitadas. Evite aplicativos que pedem acesso desnecessário a seus dados.

Veja também:
+ As linguagens de programação mais bem pagas

+ Melhores podcasts sobre tecnologia: veja quais escutar


Os meios mais comuns de ataque aos Dados Pessoais nas redes

  • Phishing: Tentativas de obter informações pessoais através de e-mails, mensagens ou sites falsos que parecem legítimos.

  • Malware: Programas maliciosos instalados em dispositivos sem o conhecimento do usuário, capazes de roubar informações ou danificar o sistema.

  • Ransomware: Tipo de malware que bloqueia o acesso aos dados da vítima, exigindo um resgate para liberá-los.

  • Ataques de Engenharia Social: Técnicas que manipulam os indivíduos para que revelem informações confidenciais.

  • Keyloggers: Softwares que registram tudo o que é digitado no teclado, capturando senhas e outras informações sensíveis.

  • Ataques Man-in-the-Middle: Interceptação de comunicações entre duas partes para roubar ou alterar informações transmitidas.

  • Ataques DDoS: Sobrecarga de sistemas online, tornando-os inacessíveis e expondo vulnerabilidades.

Confira também:
+ Tecnologias Emergentes e o Ensino EaD
+ Confira bolsas de estudos na especialização de Direito Digital e Proteção de Dados


Cursos para quem quer aprender sobre Proteção e Segurança de Dados

Pessoa com as mão em concha está com um símbolo de um escudo de proteção com um cadeado fechado no meio, simbolizando o aprendizado acerca da proteção de dados e segurança da informação nas redes.

Para aqueles interessados em se aprofundar na proteção de dados, diversos cursos oferecem conhecimento abrangente sobre o tema. Algumas opções incluem:

  • Curso de Segurança da Informação: Abrange conceitos básicos e avançados sobre como proteger informações em ambientes digitais.

  • Bacharelado em Ciência da Computação: Este curso oferece uma base sólida em programação, sistemas de informação e segurança digital. Alunos aprendem a desenvolver e proteger sistemas, além de adquirir conhecimento em criptografia e análise de vulnerabilidades.

  • Bacharelado em Engenharia da Computação: Combina conhecimentos de hardware e software, preparando os graduandos para desenvolverem sistemas seguros e entenderem as estruturas por trás da segurança de dados. O curso também aborda técnicas avançadas de proteção de redes e sistemas computacionais.

  • Curso de Ethical Hacking: Foca em técnicas de invasão ética para identificar e corrigir vulnerabilidades em sistemas.

  • Curso de Criptografia e Segurança de Redes: Ensina os princípios de criptografia e como aplicar técnicas de segurança em redes de comunicação.

  • Curso de LGPD: Oferece conhecimento sobre a Lei Geral de Proteção de Dados e como aplicá-la no contexto organizacional.

  • Curso de Cibersegurança: Cobre uma ampla gama de tópicos, desde a proteção de infraestrutura crítica até a segurança de dados pessoais.

  • Certificação CISSP (Certified Information Systems Security Professional): Uma das certificações mais reconhecidas em segurança da informação, ideal para profissionais que desejam uma credencial de alto nível.

  • Curso de Análise de Malware: Ensina a identificar, analisar e mitigar ameaças de malware.

A proteção de dados na internet é um desafio contínuo que exige conscientização e práticas proativas. Seguir as dicas acima pode ajudar a proteger suas informações e garantir uma experiência online mais segura.

Investir em conhecimento através de cursos especializados também é uma excelente maneira de se manter atualizado e preparado para enfrentar as ameaças cibernéticas.

Inclusive, pensando nisso, separamos algumas instituições onde você pode garantir um ensino de qualidade, e ainda ingressar com bolsas de estudos com descontos de até 80%. Confira:

Confira também:
+ Sociedade da Informação: entenda o que é

+ A importância da Gamificação no aprendizado online

Estude nas melhores sem sair de casa

As melhores faculdades com ofertas super especiais para você começar a estudar sem sair de casa.