Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Saiba tudo sobre o curso de Engenharia Florestal EAD

Nosso futuro depende diretamente das decisões que tomamos no presente. Não por acaso, questões como sustentabilidade, recuperação de áreas degradadas, uso consciente de recursos e aquecimento global estão fervilhando em todo o mundo.

Isso faz com que profissões como Gestão Ambiental, Saneamento, Agronomia, Engenharia Ambiental e, principalmente, Engenharia Florestal estejam muito bem cotadas no mercado de trabalho.

Os engenheiros florestais, em especial, conhecem tudo relacionado a biomas, florestas, água, solo e todos os seres que vivem ou dependem desses ambientes.

É, sem dúvidas, uma das profissões mais desafiadoras do século!

Quer descobrir como fazer para ingressar nesta carreira estudando a distância?

A seguir, saiba tudo sobre o curso de Engenharia Florestal EAD!

O curso de Engenharia Florestal

Engenharia Florestal combina tecnologia e ciências da natureza para estudar as florestas e seus componentes: tipos de vegetação, clima, água, tipos de solo, animais, flores, insetos, topografia e as marcas deixadas pela urbanização e industrialização.

O curso é um bacharelado com duração de cinco anos.

A ideia é formar profissionais capazes de pensar e concretizar projetos de base tecnológica que envolvam análise, conservação e proteção de diferentes tipos de recursos naturais.

Eles ajudar a garantir o futuro da humanidade, pois estão entre os profissionais capazes de:

  • Realizar estudos ambientais
  • Fazer controle de incêndio
  • Recuperar áreas devastadas
  • Fazer gestão de recursos hídricos
  • Fazer gestão ambiental
  • Efetuar manejo florestal
  • Fiscalizar o cumprimento da legislação ambiental
  • Pensar soluções para períodos de secas e enchentes
  • Desenvolver técnicas de agricultura sustentável
  • Ajudar a criar tecnologias capazes de detectar e monitorar abusos à natureza: desmatamento, queimadas, garimpos, etc.
  • Elaborar projetos de arborização e paisagismo
  • Desenhar o planejamento de propriedades rurais
  • Fazer zoneamento ambiental
  • Encaminhar o transporte de produtos florestais
  • Fazer licenciamento de projetos florestais
  • Administrar empresas
  • Fazer gestão de equipes e projetos
  • Comercializar produtos florestais extraídos de forma sustentável

Embora tenha um contato muito próximo com a natureza, o curso tem forte apelo tecnológico – afinal, estamos falando de uma Engenharia.

Os alunos devem estar preparados para mergulhar em matemática, química, física, informática (desenvolvimento de software e hardware) e ciências biológicas.

O curso aborda também bases do Direito, para que o engenheiro conheça a fundo a legislação ambiental, florestal e agrária e saiba como aplicá-la em seu dia a dia.

A profissão tem se mostrado essencial na busca de um denominador comum entre produção econômica e preservação do meio ambiente – a única fórmula que pode garantir a permanência da humanidade sobre a Terra.

Quem trabalha com Engenharia Florestal pode se dedicar à pesquisa e desenvolvimento, atuar em órgãos públicos de fiscalização e controle, em empresas de gestão ambiental, no setor de sustentabilidade de indústrias, em empresas de tecnologia ou como consultor ambiental.

Você deve estar se perguntando: é realmente possível fazer tudo isso estudando a distância? Como?

Veja a resposta no próximo tópico!

Existe curso de Engenharia Florestal EAD?

O curso de Engenharia Florestal pode ser encontrado em 45 faculdades brasileiras, muitas delas na rede pública de ensino. Nenhuma, infelizmente, oferece o curso no formato EAD.

O motivo dessa ausência talvez seja o volume de atividades práticas previstas na graduação. Na grade curricular há muitas disciplinas que são realizadas a céu aberto, em reservas ambientais, fazendas-escolas, áreas danificadas e outro tanto em laboratórios especiais.

Mas você não precisa desanimar. Existem algumas alternativas bem interessantes para quem planeja estudar a distância.

Se você quer permanecer no eixo da Engenharia, pode optar por duas alternativas – ambas com boa oferta no EAD:

Engenharia Ambiental –busca soluções tecnológicas para os grandes problemas ambientais da nossa época: poluição, recuperação de áreas degradadas, preservação de nascentes, formação de políticas públicas. É o mais parecido com Engenharia Florestal.

Agronomia – voltada para produção agropecuária, usa uma série de tecnologias para aperfeiçoar técnicas de cultivo e criação de animais – tudo de acordo com princípios de sustentabilidade.

Tanto Engenharia Ambiental quanto Agronomia têm cinco anos de duração e, assim como a Florestal, são oferecidos em grau de bacharelado.

Outra alternativa seria o tecnólogo em Gestão Ambiental. O curso tem apenas dois anos de duração e é focado no aprendizado de técnicas para implantação de projetos de sustentabilidade em empresas, fiscalização, gestão de projetos e promoção de ações ambientais.

Na maioria dos cursos EAD, as aulas são apresentadas pela internet, na forma de vídeos, conferências ao vivo, livros digitais, apostilas e materiais de referência, tudo em uma plataforma digital de aprendizagem.

Nas engenharias, os encontros presenciais são realizados com certa frequência porque tem, naturalmente, uma exigência por atividades práticas em campo ou em laboratório. O tecnólogo em Gestão Ambiental pode ser feito totalmente a distância.

O diploma de graduação EAD tem total validade no mercado de trabalho e você pode usá-lo para disputar vagas de trabalho, entrar em pós-graduações ou prestar concurso público de nível superior.

No caso das engenharias, os formados em cursos EAD podem – e devem – se inscrever no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) de sua região.

Onde estudar Engenharia Florestal e cursos EAD similares

Como infelizmente não temos ainda o curso de Engenharia Florestal a distância, vamos falar primeiramente das faculdades que oferecem graduações similares.

Gestão Ambiental, Engenharia Ambiental e Agronomia podem ser encontrados em centenas delas, principalmente na rede privada de ensino.

O ideal é que você escolha sempre instituições bem avaliadas pelo MEC e pelo mercado de trabalho.

A gente separou algumas onde você encontra esses cursos:

Caso você opte por fazer Engenharia Florestal no modelo presencial, pode encontrá-la em instituições como:

  • Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT)
  • Universidade Federal de Uberlândia (UFU)
  • Universidade do Estado do Pará (UEPA)
  • Fundação Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC)
  • Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)

Veja também:

Saiba tudo sobre a faculdade de Engenharia Ambiental EAD https://www.ead.com.br/engenharia-ambiental-ead

E você, prefere fazer Engenharia Florestal presencial ou vai correr atrás de algum curso a distância? Conte para a gente nos comentários!

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário