Olá! Quer uma ajudinha para descobrir sua faculdade ideal?

Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque sua vaga

    Compare preços e escolha a vaga que cabe no seu bolso.


  2. Garanta sua vaga

    Pague a adesão para garantir sua vaga.


  3. Estude pagando menos

    Aí é só fazer o processo seletivo e a matrícula na faculdade.


Atualidades

Crianças no EaD: como preparar os pequenos para esse modelo de ensino?

12 de outubro de 2023
Crianças no EaD: como preparar os pequenos?
Imagem do autor
Escrito porBárbara Liz

O Dia das Crianças, celebrado em 12 de outubro, é uma oportunidade perfeita para discutir como preparar nossos pequenos para o ensino à distância (EaD). Em um mundo cada vez mais digital, as crianças também estão enfrentando a transição para a aprendizagem online.

Encontre bolsas de estudo de até 80%

Para pais e professores, é fundamental entender como podem apoiar e orientar as crianças nessa jornada. Aqui estão algumas dicas essenciais para que os responsáveis compreendam os possíveis desafios pelo caminho, como contorná-los, e como trabalhar desde cedo essa realidade que o ensino à distância na atualidade, com crianças cada vez mais informadas e conscientes da tecnologia ao redor.

Veja também:
+ Conheça 10 cursos online e gratuitos na área da Educação
+ Wandinha Addams: descubra quais seriam os cursos EaD de cada personagem da série



Quais são os principais desafios dos pais com filhos pequenos em aulas remotas?

  • Supervisão e motivação: Garantir que as crianças estejam motivadas e focadas nas aulas online, enquanto supervisionam o cumprimento das tarefas escolares.

  • Tecnologia e conectividade: Lidar com problemas técnicos, como conexões instáveis à internet, e garantir que as crianças tenham acesso adequado aos dispositivos necessários.

  • Estabelecimento de rotina: Criar uma rotina estruturada para as crianças, incluindo horários de estudo, pausas e atividades extracurriculares.

  • Apoio pedagógico: Entender o conteúdo das aulas e estar preparado para ajudar as crianças com dúvidas e lições, especialmente em áreas onde os pais podem não ter conhecimento.

  • Equilíbrio entre telas e offline: Gerenciar o tempo que as crianças passam em frente às telas, garantindo também momentos de atividades físicas e interações sociais offline.

  • Isolamento social: Lidar com a falta de interação social presencial, buscando maneiras de promover o contato com colegas e amigos.

  • Adaptação emocional: Ajudar as crianças a lidar com possíveis sentimentos de ansiedade, frustração ou isolamento causados pelo ensino à distância.

  • Autonomia e responsabilidade: Promover a independência e responsabilidade das crianças em relação ao próprio aprendizado e tarefas escolares.

  • Acompanhamento do progresso: Acompanhar o desempenho acadêmico das crianças e estar atento a possíveis dificuldades de aprendizado.

  • Comunicação com a escola: Manter uma comunicação eficaz com os professores e a escola para obter suporte e informações sobre o progresso escolar dos filhos.


De que maneiras podemos auxiliar as crianças com o EaD?

1. Comunique-se e esteja presente:

  • Mantenha um diálogo aberto com seus filhos sobre a transição para o EaD. Explique o motivo da mudança e esteja disponível para responder a todas as perguntas deles.
  • Estabeleça uma rotina diária que inclua horários definidos para as aulas e pausas. Isso ajudará as crianças a se sentirem mais seguras e organizadas.

2. Crie um espaço de aprendizado:

  • Dedique um local tranquilo e confortável em casa para as aulas online. Certifique-se de que o ambiente esteja livre de distrações.
  • Personalize o espaço de acordo com as preferências do seu filho, incluindo elementos que o motivem a estudar.

3. Esteja envolvido nas aulas:

  • Acompanhe o progresso do seu filho participando das aulas sempre que possível. Isso demonstra seu interesse pelo aprendizado dele e permite que você compreenda melhor os desafios que ele enfrenta.
  • Ajude seu filho a configurar seu dispositivo para as aulas online, certificando-se de que a conexão à internet esteja estável.

4. Cuidado com o acesso à internet:

  • Monitore o tempo que seu filho passa online e estabeleça limites adequados à idade.
  • Ensine sobre segurança na internet, incluindo a importância de não compartilhar informações pessoais e como identificar conteúdo adequado.

5. Plataformas de conversação e videochamadas:

  • Esteja ciente das plataformas de conversação e videochamadas que seu filho está utilizando para as aulas e atividades sociais. Familiarize-se com essas ferramentas para ajudá-lo, se necessário.
  • Discuta a etiqueta online com seu filho, destacando a importância do respeito e da gentileza ao interagir com colegas e professores.

6. Aproveite os benefícios do EaD:

  • Reconheça que o EaD pode oferecer vantagens, como flexibilidade de horários e acesso a recursos online.
  • Encoraje seu filho a explorar novas maneiras de aprender, como assistir a vídeos educacionais, participar de fóruns online e usar aplicativos educacionais.

7. Promova a autonomia:

  • Incentive seu filho a tomar a iniciativa em relação ao seu próprio aprendizado, definindo metas e organizando suas tarefas.
  • Ajude-o a desenvolver habilidades de gerenciamento do tempo e da atenção.

Preparar as crianças para o EaD requer tempo e paciência, mas, com apoio adequado, elas podem se adaptar com sucesso a esse modelo de ensino. Pais e professores desempenham papéis cruciais nessa jornada, garantindo que as crianças aproveitem ao máximo as oportunidades que o ensino à distância oferece enquanto mantêm a segurança e o bem-estar em mente.

Confira também:
+ Existe curso de Pedagogia EaD de 2 anos?
+ 14 cursos EaD gratuitos oferecidos pelo MEC para entender educação especial

Estude nas melhores sem sair de casa

As melhores faculdades com ofertas super especiais para você começar a estudar sem sair de casa.