Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Descubra quanto ganha um enfermeiro

Já pensou em ingressar na carreira de enfermeiro? Neste artigo, conheça mais sobre essa profissão e seus salários!

O que faz um enfermeiro?

Os enfermeiros, em conjunto com outros profissionais da saúde, são os responsáveis por prestar assistência, promover e restabelecer a saúde dos pacientes. Eles coordenam, planejam ações e auditam serviços de enfermagem e/ou perfusão.

Esses profissionais podem fazer a triagem de pacientes, realizar exames, administrar remédios prescritos, aplicar injeções, fazer curativos, bem como organizar prontuários, organizar o ambiente hospitalar e zelar por sua limpeza e coordenar equipes de enfermagem.

Os enfermeiros são indispensáveis em unidades de saúde como, hospitais, clínicas, prontos-socorros, postos de saúde, maternidades, serviço de atendimento móvel de urgência (SAMU), laboratórios e ambulatórios. Eles também podem atender em domicílio (homecare).

Os enfermeiros também podem atuar na área de pesquisa e de ensino, trabalhando em institutos de pesquisa e universidades.

Quais as áreas de atuação de Enfermagem?

Atualmente, o Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) reconhece mais de 30 especialidades dentro da área de Enfermagem. Veja quais são elas:

  • Obstetrícia;
  • Trabalho;
  • Hemodinâmica;
  • Educação Continuada;
  • Dermatologia;
  • Traumato-ortopedia;
  • Unidade de Esterilização;
  • Psiquiátrica;
  • Saúde Mental;
  • Cardiovascular;
  • Endoscopia;
  • Home-Care;
  • Oftalmologia;
  • Oncologia;
  • Centro-Cirúrgico;
  • Estomaterapia;
  • Nefrologia;
  • Auditoria;
  • Unidade de Tratamento Intensivo;
  • Gerenciamento;
  • Nutrição Parenteral;
  • Terapias Naturais;
  • Neonatologia;
  • Pediatria;
  • Ginecologia;
  • Saúde de Família;
  • Saúde Coletiva;
  • Gerontologia e geriatria;
  • Endocrinologia;
  • Aero-espacial;
  • Informática;
  • Diagnóstico por Imagem;
  • Emergência;
  • Clínica Cirúrgica;
  • Clínica Médica;
  • Atendimento Pré-Hospitalar;
  • Infecção Hospitalar.

Quanto ganha um enfermeiro?

De acordo com os dados mais recentes do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), consultados pelo portal Salario.com.br, a média salarial de um enfermeiro no Brasil é de R$ 3.378,86.

A faixa salarial desses profissionais, considerando aqueles contratados em regime CLT, fica entre R$ 3.083,85 (média do piso salarial), R$ 3.158,80 (salário mediana da pesquisa) e R$ 6.341,97 (teto salarial). Para os recém-formados na área, o salário inicial é, em média, R$ 3.248,17 mensais.

Dê uma olhada nas médias salariais das principais áreas de atuação da Enfermagem:

  • Enfermeiro auditor: R$ 3.976,07.
  • Enfermeiro de bordo: R$ 2.738,56.
  • Enfermeiro de centro cirúrgico: R$ 3.084,24.
  • Enfermeiro de terapia intensiva: R$ 3.367,63.
  • Enfermeiro do trabalho: R$ 3.356,05.
  • Enfermeiro nefrologista: R$ 3.354,02.
  • Enfermeiro neonatologista: R$ 3.675,76.
  • Enfermeiro obstétrico: R$ 4.143,61.
  • Enfermeiro psiquiátrico: R$ 3.666,39.
  • Enfermeiro puericultor e pediátrico: R$ 2.764,88.
  • Enfermeiro sanitarista: R$ 4.718,37.
  • Enfermeiro da estratégia de saúde da família: R$ 6.445,89.
  • Perfusionista: R$ 3.360,36.

Como é o curso de Enfermagem?

Para se tornar um enfermeiro é preciso se formar na graduação de Enfermagem. O curso de nível bacharelado com duração média de 4 anos. Ele é encontrado na modalidade presencial e a distância.

O curso capacita profissionais ao exercício da enfermagem e conhecer e intervir sobre os problemas/situações de saúde-doença mais prevalentes no perfil epidemiológico nacional, com ênfase na sua região de atuação.

A grade curricular do curso conta com conteúdos de Ciências Biológicas e da Saúde, Ciências Humanas e Sociais, Ciências da Enfermagem (que inclui Fundamentos de Enfermagem, Assistência de Enfermagem, Administração de Enfermagem e Ensino de Enfermagem). Confira algumas das disciplinas do curso:

  • Anatomia Humana;
  • Bioquímica;
  • Direito Sanitário;
  • Doenças Infecto Contagiosa;
  • Eletrocardiograma e o Cuidar em Enfermagem;
  • Embriologia;
  • Enfermagem e o Cuidar em Domicílio;
  • Enfermagem e o Prontuário do Paciente;
  • Enfermagem em Atenção Básica de Saúde;
  • Enfermagem em Radiologia e Radioterapia;
  • Enfermagem em Saúde da Família;
  • Enfermagem em Saúde Mental;
  • Enfermagem em Unidade de Terapia Intensiva do Adulto;
  • Enfermagem em Unidade de Terapia Intensiva do Recém Nascido e Pediátrica;
  • Enfermagem na Saúde do Trabalhador;
  • Epidemiologia e Saúde Ambiental;
  • Exames Laboratoriais e o Cuidar em Enfermagem;
  • Farmacologia Aplicada a Enfermagem;
  • História da Enfermagem;
  • Imunologia;
  • Introdução à Enfermagem;
  • Nutrição Aplicada à Enfermagem;
  • Oncologia;
  • Patologia Humana;
  • Políticas Públicas de Saúde;
  • Gerenciamento em Enfermagem;
  • Ética e o Exercício Profissional.

Para concluir o curso, o estudante precisa apresentar seu Trabalho de Conclusão do Curso (TCC) e cumprir, no mínimo, 20% da carga horária total do curso de estágio supervisionado obrigatório na Rede Ambulatorial, Rede Básica e Rede Hospitalar.

Onde cursar Enfermagem pagando menos?

Antes de ingressar no curso de Enfermagem, seja presencial ou a distância, você deve pesquisar bem sobre a instituição que pretende ingressar, a estrutura e currículo do curso e ver suas avaliações no Ministério da Educação (MEC).

Algumas faculdades privadas ofertam ótimos descontos em suas mensalidades e ingresso sem burocracia, com ou sem a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Confira em algumas dessas instituições bem reconhecidas pelo MEC para você estudar Enfermagem pagando menos:

Leia também: Saiba tudo sobre fazer uma faculdade de Enfermagem EAD 

E você, já sabe onde cursar Enfermagem? Conta para a gente nos comentários!

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário

Descubra a faculdade certa para você!