Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Como funciona a faculdade de Segurança da Informação EAD?

No mundo dos negócios, das finanças, do serviço público e da prestação de serviços, segurança é uma das questões mais importantes do momento.

Como garantir a integridade de tanta informação que trafega nas redes a cada segundo? Como assegurar de que esses dados não vão cair em mãos criminosas?

É um desafio daqueles.

Não é por acaso que a procura por profissionais especializados em segurança da informação tem crescido tanto – e essa tendência deve se manter pelos próximos anos.

Quer saber como aproveitar esse bom momento fazendo um curso superior rápido, focado e sem sair de casa?

A seguir, veja como funciona a faculdade de Segurança da Informação EAD!

A faculdade de Segurança da Informação

O curso de Segurança da Informação é curto e eficiente: em apenas dois anos e meio, os alunos aprendem tudo o que é necessário para fazer bonito no mercado de trabalho.

A graduação é focada na busca de soluções que garantam a segurança de dados em diferentes tipos de redes. Para ser capaz de pensar nessas soluções, o aluno aprende a identificar falhas, analisar estruturas, propor tecnologias, gerenciar redes, detectar invasões, elaborar práticas de redução de risco, vivenciar situações de crise, cuidar de projetos e equipes, fazer perícia e auditoria.

Os experts em Segurança da Informação encontram trabalho em empresas de comércio eletrônico, desenvolvedoras de software, consultorias, empresas de tecnologia e no setor de TI de organizações em geral, bancos, comércio eletrônico, universidades e muito mais.

Dá para fazer o curso em dezenas de faculdades pelo Brasil, especialmente na rede privada – algumas delas com a opção de ensino a distância.

Veja a seguir como funciona!

Como funciona o curso de Segurança da Informação EAD

Quem prefere estudar a distância vai ficar feliz em saber que dá para fazer Segurança da Informação aproveitando o melhor que o formato EAD tem a oferecer.

Ideal para quem quer aprender com mais flexibilidade e curte acompanhar as aulas por meio de vídeos, textos e conferências – tudo concentrado em um ambiente virtual de aprendizagem.

Durante todo o percurso, os alunos contam com assistência total dos professores e tutores, interagem com outros participantes e têm acesso a diferentes ferramentas que turbinam o aprendizado.

Os encontros presenciais podem ocorrer com mais ou menos frequência – depende da preferência do estudante.

Vale reforçar que o curso superior EAD tem o mesmo valor do presencial e rende diploma válido no mercado de trabalho.

Hoje, o curso de Segurança da Informação pode ser encontrado em pouco mais de 15 faculdades pelo Brasil.

O que você aprende na faculdade de Segurança da Informação EAD

Com apenas dois anos e meio de duração, o curso de Segurança da Informação precisa ser direto ao ponto.

Os alunos têm muito conteúdo pela frente, a maioria focada na prática profissional.

Veja algumas matérias que você vai ter pela frente durante os estudos:

  • Administração de banco de dados
  • Sistemas operacionais
  • Estrutura de dados
  • Desenvolvimento de software
  • Estatística
  • Modelagem de sistemas
  • Negócios eletrônicos
  • Lógica
  • Matemática para computação
  • Gestão de projetos
  • Programação orientada a objetos
  • Algoritmos
  • Redes de dados e comunicação
  • Sistemas de informação
  • Tecnologias de segurança
  • Modelagem de dados
  • Organização de computadores
  • Redes de computadores
  • Inovação tecnológica
  • Arquitetura de sistemas

Quanto custa fazer uma faculdade de Segurança da Informação EAD

Segurança da Informação EAD é muito mais em conta que o presencial – isso você provavelmente já imaginava, não é?

Mas o que você talvez não saiba é que dá para fazer essa graduação pagando cerca de R$ 250 mensais no formato totalmente a distância (com uma carga mínima de encontros presenciais).

Se a ideia for fazer o semipresencial, que tem uma agenda mais agitada de encontros presenciais, as mensalidades ficam na casa dos R$ 350.

Uma dica: dá para estudar pagando ainda menos por mês! Como? Uma pesquisa rápida na internet e a gente encontra vários programas que oferecem bolsas parciais com descontos de até 60% em cima do valor das mensalidades. Vale a pena dar uma espiada.

Quem tiver feito o Enem mais recente e se dado bem nas provas ainda pode concorrer a bolsas integrais para estudar numa faculdade privada sem pagar nada!

Onde encontrar uma faculdade de Segurança da Informação EAD

Como você pode perceber, ainda não temos um número grande de faculdades de Segurança da Informação a distância, só pouco mais de uma dezena.

Isso pode dificultar o acesso ao curso, ainda mais se não houver um polo de apoio próximo.

O cenário melhora se considerarmos os cursos presenciais – aí o numero de faculdades sobe para mais de 50!

De qualquer forma, quem faz questão de estudar a distância precisa estar aberto para a possibilidade de ter de optar por cursos similares a Segurança da Informação, caso a graduação não esteja disponível na faculdade desejada.

A gente tem algumas sugestões com uma pegada similar para você ter em conta:

  • Defesa Cibernética
  • Banco de Dados
  • Sistemas para Internet
  • Redes de Computadores
  • Análise e Desenvolvimento de Sistemas
  • Gestão da Tecnologia da Informação

Isso ajuda a aumentar significantemente o número de faculdades EAD que você pode escolher. Entre elas, a gente selecionou algumas que têm boa avaliação junto ao MEC e são conceituadas no mercado de trabalho.

Conheça:

Veja também:

Conheça o curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas EAD

Vai tentar uma faculdade de Segurança da Informação EAD ou optar por um curso similar? Conte para a gente!

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário