Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Saiba tudo sobre a faculdade de Engenharia Elétrica EAD

Já imaginou viver sem eletricidade? Sem ela não haveria luz, chuveiro quente, TV, celular, internet, a água nem chegaria às torneiras, a comida não poderia ser armazenada nas geladeiras, os hospitais não poderiam funcionar, não haveria desenvolvimento científico ou tecnológico.

Seria um caos, concorda?

Pois se a gente tem hoje um sistema eficiente de distribuição de energia, é graças ao trabalho da Engenharia Elétrica.

Os profissionais que atuam na área precisam se dedicar pra valer, mas não têm do que reclamar: há muitas oportunidades no mercado de trabalho.

Mas será que dá para entrar nesta carreira estudando a distância?

A seguir, saiba tudo sobre o a faculdade de Engenharia Elétrica EAD!

O curso de Engenharia Elétrica

Engenharia Elétrica tem duração de cinco anos. O bacharelado conta com uma extensa carga de disciplinas que envolvem Matemática, Química, Computação, Física e tantas outras específicas da área.

É preciso dedicação e gosto pelas ciências exatas para se dar bem aqui!

A recompensa vem mais tarde, com os bons salários e alta empregabilidade na área.

Em linhas gerais, o curso prepara o estudante para projetar e desenvolver sistemas de geração, distribuição e armazenamento de energia elétrica em diferentes níveis.

Os alunos têm de lidar com diferentes tipos de equipamentos elétricos, dispositivos, componentes, máquinas, matrizes elétricas, automação, telecomunicações e produtos eletrônicos.

As novas tecnologias e a preocupação com a sustentabilidade de projetos elétricos também entram na pauta, uma boa notícia para quem tem interesse, por exemplo, em energias alternativas e renováveis, carros elétricos, sistemas inteligentes de geração de energia.

Até aqui você já percebeu que o curso tem uma forte pegada científica e tecnológica, mas não fica só nisso. Há também muita prática para quem prefere fazer atividades como estudos de viabilidade, fiscalização de obras, análise e perícia de instalações elétricas em unidades industriais, prédios comerciais e residenciais.

Uma abordagem importante da graduação, e que é cada vez mais apreciada no mercado de trabalho, é a parte de gestão de projetos e pessoas. Os engenheiros elétricos vão ter de estudar várias matérias da área da Administração e da Economia.

Na maioria das faculdades o curso é composto de duas etapas. Na primeira os alunos aprendem os fundamentos básicos das engenharias. A partir da segunda metade passam a mergulhar de vez no universo da elétrica.

Par quem se forma, a área de atuação é bastante diversa, afinal quem pode abrir mão de energia elétrica hoje em dia?

Os profissionais são disputados por indústrias de todos os setores, empresas de consultoria, construção civil, hidrelétricas, usinas geradoras de energia, operadoras de telecomunicações e vários outros!

A faculdade de Engenharia Elétrica EAD

No Brasil existem aproximadamente 70 faculdades que dispõem de Engenharia Elétrica no formato a distância.

Considerando que cada uma delas tem dezenas (às vezes centenas) de polos pelo país, fica fácil encontrar o curso aí perto de você.

A graduação EAD aproveita as vantagens da tecnologia e mantém o que é essencial a todas as engenharias: a alta carga de atividades práticas em laboratório!

Por isso os estudantes fazem pela internet apenas a parte teórica do curso ou aquelas disciplinas que não exigem presença em sala de aula – como as que envolvem gestão, administração e estudo de lógica, por exemplo.

Essa etapa, no entanto, exige extrema dedicação. Os alunos têm prazos para realizar as leituras apontadas, fazer os trabalhos solicitados e, sobretudo, acompanhar as aulas em vídeo.

A plataforma digital conta com recursos como fóruns de discussão, ferramentas de avaliação de desempenho e canais de contato direto com professores e tutores.

A parte presencial ocorre nos polos de apoio da faculdade, que devem ser equipados com tudo o que é necessário para realização das aulas em laboratório.

Os encontros num curso EAD variam conforme a faculdade. Em algumas há sessões duas vezes por semana, com carga de algumas horas por dia. Em outras a frequência é quinzenal, com aulas o dia inteiro.

Veja qual sistema se encaixa melhor nas suas necessidades e mande ver. O formato tem reconhecimento do Ministério da Educação (MEC) e, por isso, o é diploma aceito formalmente no mercado de trabalho.

Outra vantagem do EAD é o preço. Nessa modalidade, Engenharia Elétrica custa entre R$ 450 e R$ 800 mensais – bem abaixo do valor cobrado pelos cursos presenciais!

Grade curricular de Engenharia Elétrica EAD

A grade curricular de Engenharia Elétrica é bastante extensa. Além das matérias que tratam dos fundamentos clássicos da Engenharia, os estudantes terão passarão por temas como:

  • Administração e Economia para Engenheiros
  • Cálculo Diferencial e Integral
  • Algoritmos e Lógica de Programação
  • Ciência dos Materiais
  • Fenômenos de Transporte
  • Medidas e Materiais Elétricos
  • Eletromagnetismo
  • Circuitos Elétricos
  • Eficiência Energética e Qualidade de Energia
  • Resistência dos Materiais
  • Máquinas Elétricas
  • Eletrônica Analógica
  • Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica
  • Acionamentos Elétricos
  • Eletrônica e Circuito de Potência
  • Instalações Elétricas
  • Controle e Automação de Processos Industriais

O estágio curricular é obrigatório e deve ser feito presencialmente. Os estudantes precisam apresentar um trabalho de conclusão de curso para conseguir se formar.

As melhores faculdades de Engenharia Elétrica EAD

Encontrar as melhores faculdades de Engenharia Elétrica EAD é simples. Primeiramente certifique-se de que a instituição é formalmente reconhecida pelo MEC.

Depois, verifique o desempenho do curso. Se tiver uma boa nota, entre 3 e 5 em todos os quesitos, pode se inscrever sem medo: seu diploma será bem apreciado no concorrido universo das engenharias!

Abaixo, conheça algumas faculdades onde você encontra o curso de Engenharia Elétrica EAD:

Veja também:

Saiba tudo sobre o curso de Engenharia de Software EAD

Pensando em fazer Engenharia Elétrica EAD? Compartilhe seus planos com a gente!

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário