Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Saiba como conseguir uma bolsa de estudos para um curso EAD

Sem dúvida alguma, os cursos a distância estão sendo cada vez mais procurados devido a vantagens que apresentam em relação aos cursos presenciais. O aluno pode, por exemplo, assistir às aulas no momento que lhe for mais conveniente, onde desejar, sem precisar estar fisicamente presente na sala de aula.

Outro grande ponto positivo dos cursos a distância é o valor da mensalidade. Via de regra, o estudante paga muito menos todo mês em um curso EAD do que em um curso presencial.

Apesar de o valor já ser baixo, entretanto, muitos ainda se veem impossibilitados de cursar o ensino superior por por falta de dinheiro para custear os encargos educacionais. Para esses casos, vale recorrer a uma bolsa de estudos para EAD.

O que é a bolsa de estudo

A bolsa de estudo é um auxílio financeiro concedido ao estudante, podendo ser de tipos variados e proveniente de instituições de ensino, empresas privadas ou pelo governo.

Essas bolsas podem cobrir parcialmente as despesas estudantis do beneficiário ou podem cobrir integralmente os encargos. Existem ainda alguns programas que concedem uma ajuda de custo extra para que o aluno possa se manter enquanto estuda.

Em geral, as bolsas possuem critérios bem definidos para serem concedidas. Quando é oferecida pela própria instituição de ensino, por exemplo, podem ser baseadas na renda familiar do estudante e no seu desempenho escolar.

Quando a bolsa é oferecida por uma empresa a seu funcionário, um dos critérios levados em consideração é o potencial de desenvolvimento deste dentro do ambiente de trabalho.

Tipos de bolsas de estudos para EAD

No Brasil, as bolsas de estudos para cursos a distância são divididas basicamente em quatro categorias:

Bolsa institucional

É oferecida pela própria instituição onde o aluno pretende estudar, e podem cobrir de 20% a 100% do valor da mensalidade.

De modo geral, as faculdades concedem a bolsa institucional de acordo com a nota que o aluno tira no vestibular, mas também podem ser oferecidas com base em outras condições especiais definidas pela instituição.

Para saber mais sobre os tipos de bolsas, procure a sua faculdade. Cada instituição possui seus próprios critérios de concessão.

Bolsa empresarial

Determinadas empresas concedem bolsas de estudos parciais ou integrais a seus funcionários para que eles cursem uma faculdade.

É uma forma de reconhecimento por seu trabalho ou um meio de torná-los mais qualificados para exercerem melhor as suas devidas funções.

Converse com o departamento de Recursos Humanos para saber se existe a concessão desse tipo de benefício dentro da sua empresa.

Bolsa governamental

É concedida pelo próprio governo e tem como objetivo auxiliar estudantes de baixa renda, que não possuem condições financeiras de custear as mensalidades de uma faculdade particular.

A bolsa de estudo governamental mais conhecida é o ProUni. Neste caso, o governo cobre os custos das mensalidades da faculdade escolhida pelo beneficiário, e essa cobertura pode ser parcial (50% da mensalidade) ou integral (100% da mensalidade).

Para solicitar a bolsa do ProUni, é preciso que o estudante tenha realizado a prova do Enem no ano anterior, ter obtido pelo menos 450 pontos na média das provas e nota maior que zero na redação. O estudante irá concorrer com essa nota junto a outros candidatos, por meio de um sistema de avaliação do Ministério da Educação (MEC).

Faculdades a distância que oferecem bolsas de estudos para EAD

Confira algumas faculdades reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC que oferecem bolsas de estudos institucionais para EAD e que também participam do ProUni:

Veja também:

Descubra que nota precisa tirar no Enem pra ganhar bolsa EAD

E aí? Pretende tentar uma bolsa de estudos? Em que curso EAD? Conte para a gente aqui embaixo, nos comentários!

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário