Pular para o conteúdo Pular para a barra lateral do Vá para o rodapé

Posso usar o Fies para realizar um curso EaD?

Entrar na graduação é o sonho de muita gente. Isso porque esse nível de ensino permite ao estudante aprender sobre assuntos da área de seu interesse, além de abrir portas profissionais, com salário mais altos e carreiras promissoras.

Só que nem todo mundo consegue entrar em uma faculdade pública ou ter dinheiro para pagar as mensalidades, com o valor integral. Nesse caso, costuma haver uma frustração! De modo que é comum algumas pessoas se perguntarem: “como vou ter um salário maior se para isso é preciso ter faculdade e eu não tenho dinheiro para pagar a mensalidade?”.

usar fies para curso eadPensando nisso, em 2001, o governo federal criou o Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies), em que o estudante passa a pagar a mensalidade depois que estiver formado. E o valor é parcelado, ou seja, mensalmente, o valor despendido é menor do que a mensalidade regular do curso.

+ Edital Fies 2022: datas, inscrições, resultado e lista de espera

+ Fies: MEC abrirá 110 mil vagas de financiamento em 2022

O que é o Fies?

Em termos gerais, o Fies é um programa do governo federal que ajuda o estudante a financiar o próprio estudo. Além disso, o programa possui duas modalidades, são elas:

Fies

Nessa modalidade, o programa concede o financiamento com juros zero ao estudante. Para se enquadrar nessa modalidade, o estudante precisa ter uma renda familiar mensal de até 3 salários mínimos por pessoa.

P-Fies

O P-Fies é a categoria do programa destinada a estudantes que possuem uma renda mais alta. Até 2019, podiam participar estudantes com renda per capita de até 5 salários mínimos. Em 2020, porém, o programa foi reformulado.

usar fies para curso eadDe acordo com as regras atuais, não há renda máxima para participar do P-Fies. Além disso, o programa foi desvinculado do Enem, de modo que não é necessário ter realizado a prova ou ter atingido determinada pontuação para requisitar esse modelo de financiamento.

+ Fies: 7 dúvidas mais comuns sobre o Fundo de Financiamento Estudantil

Posso usar o Fies para realizar um curso EaD?

Ainda não é possível utilizar o Fies para se inscrever em um curso EaD. Porém, se você tem planos de realizar um curso a distância com o financiamento estudantil, não desanime! Isso porque, recentemente, o governo tem sinalizado a intenção de incluir cursos dessa modalidade no programa.

Para se ter ideia, no final de 2021, a Comissão de Educação da Câmara dos Deputados Federais aprovou o Projeto de Lei (PL) que prevê a participação de cursos de graduação e de pós-graduação no Fies.

Desse modo, será possível não apenas começar uma graduação, mas também continuar os estudos em uma pós-graduação a distância, com o financiamento estudantil. Apesar do avanço, a lei ainda não está valendo, pois precisa ser analisada e aprovada pelas comissões de Finanças e Tributação e pela de Constituição e Justiça para, então, ir para a votação em plenário.

Como é um curso EaD?

O número de alunos matriculados nos cursos a distância aumenta a cada ano, assim como a oferta por parte das faculdades. Entre as razões para tal expansão estão os preços acessíveis e a facilidade que a modalidade oferece. Confira, a seguir, 5 características de um curso EaD:

1. É preciso ter equipamentos adequados para acessar as aulas

usar fies para curso eadOs cursos a distância são disponibilizados nos Ambientes Virtuais de Aprendizagem (AVA) das faculdade. Nessa plataforma, é possível ler texto, ouvir arquivos sonoros, assistir a vídeos, entrar em contato com o professor, enviar avaliações e requisitar documentos para a secretaria. Desse modo, o aluno precisa possuir equipamentos adequados e ter acesso à internet para poder realizar o curso a distância.

2. O diploma possui a mesma validade que o de um curso presencial

Outra vantagem do curso EaD é que o MEC prevê a mesma validade para o diploma de um curso presencial e a distância, de modo que o formado pode prestar os mesmos concursos públicos e exercer as mesmas funções que um formado na área, só quem em um curso presencial.

Além disso, o diploma não contém qualquer menção quanto à modalidade do curso: se a distância ou presencial.

+ Veja 5 maneiras de usar a nota do Enem para ingressar na faculdade

3. O estudante precisa se dedicar aos estudos

Por ser a distância, o curso é mais fácil, certo? E, por isso, posso estudar menos? Errado! O curso a distância possui o mesmo nível de dificuldade, em relação ao conteúdo, que um curso presencial. De modo que é necessário o estudante dedicar mais tempo para os estudos e os trabalhos do que o preciso para assistir às aulas.

Além disso, o curso a distância exige autodisciplina do estudante, pois ele vai precisar acessar aos conteúdos, ler os textos, realizar os trabalhos e as demais atividades, sem ser supervisionado. De modo que quem opta por essa modalidade deve ter ou desenvolver o hábito de estudar.

4. Não há gasto com deslocamento

A comodidade de poder acessar os conteúdos da própria casa ou de qualquer outro lugar com acesso à internet é uma das vantagens do EaD. Além da economia de tempo, não há também gasto com o deslocamento. E essa economia não faz diferença apenas no mês a mês. Ao longo prazo, depois de quatro ou cinco anos, a quantia poupada pode ser considerável.

+ Como conseguir bolsas de estudo em faculdades particulares?

5. Existe EaD em faculdade pública

usar fies para curso eadHá faculdades públicas que oferecem curso EaD de graduação e de pós-graduação. No Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2022, há 5 universidades federais oferecendo cursos EaD. Além disso, o estado de São Paulo possui uma universidade pública a distância, a  Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp).

+ Calendário Fies 2022

Onde estudar EaD?

O Fies, por mais baixa que seja a parcela e mais extenso seja o prazo para pagar, é uma dívida. Além disso, o programa não aceita a modalidade EaD. Então, que tal encontra faculdades com ensino a distância que são bem avaliadas pelo MEC e oferecem bolsas de estudo de até 80%? Não precisa comprovar renda nem utilizar a nota do Enem. Confira?

+ Qual é a diferença entre Fies, Sisu, Prouni e Quero Bolsa?

+ Bolsas de estudo: o Quero Bolsa é confiável? Como funciona

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário

Descubra a faculdade certa para você!