dcsimg

Saiba tudo sobre Relações Internacionais EAD e onde estudar

(0.0 de 0)

Que faz Relações Internacionais EAD estuda bastante Política, Economia e Direito. Saiba agora mesmo como funciona o curso!

Saiba tudo sobre Relações Internacionais EAD e onde estudar

Relações Internacionais é um curso do grau de bacharelado com duração de quatro anos. A oferta dessa graduação na modalidade a distância (EAD) ainda é pequena, mas existem outras possibilidades para quem quer atuar na área.

No EAD, além do curso de Relações Internacionais, há também o curso de Comércio Exterior. A formação tem pequenas diferenças, mas o mercado de trabalho é muito semelhante para os formados nesses dois cursos.

E, quando passamos a considerar a graduação presencial, a oferta para Relações Internacionais cresce muito. Aqui, vamos dar todas as dicas para que você possa fazer a melhor escolha!

Descubra agora mesmo como é o curso de Relações Internacionais EAD, veja onde estudar e conheça alternativas para ingressar nessa mesma área de atuação!

Como é o curso de Relações Internacionais EAD?

A maior parte das atividades do curso de Relações Internacionais EAD acontece em uma plataforma virtual. Ela contém todos os conteúdos separados por matérias.

Clicando em cada uma delas, o aluno vai encontrando os textos e exercícios, áudios e vídeos, jogos pedagógicos e também as aulas, que podem ser gravadas ou ao vivo, em tempo real.

A plataforma traz muitas ferramentas online. Existem canais de comunicação, como chats, e-mails e fóruns de debate, que garantem o contato com professores, tutores e colegas. Há ainda cronogramas semanais de atividades, para o estudante saber direitinho a ordem das tarefas de cada módulo do curso.

O ambiente online contém até mesmo listas de chamada virtuais, que verificam sua presença nas aulas. Toda atividade do aluno é monitorada pelo sistema. Os tutores têm como saber quando você acessou, quanto tempo ficou conectado e quais tarefas executou. Tudo isso vai contando pontos que podem ser decisivos nas notas finais.

Outra ferramenta importante para o curso são os simuladores de negociações internacionais nas áreas da política, comércio, diplomacia, etc. Eles ajudam o estudante a praticar habilidades de argumentação e ir se acostumando com as tomadas de decisão que farão parte de seu dia a dia no mundo real.

O curso de Relações Internacionais EAD também tem uma parte feita presencialmente, em um polo de apoio. As provas finais de cada matéria, por exemplo, normalmente são aplicadas nos polos.

O polo de apoio funciona ainda como ponto de encontro para reuniões, atividades em grupo e apresentação de trabalhos. É lá também que você poderá resolver pessoalmente questões administrativas do curso, caso necessário.

Depois de formado, você poderá trabalhar em empresas públicas e privadas, em governos e prefeituras, em agências governamentais, Organizações Não Governamentais (ONGs) e em qualquer instituição que estabeleça relações com países e empresas estrangeiras, sejam elas políticas, econômicas, comerciais ou culturais.

Quais são as matérias de Relações Internacionais EAD?

O estudante de Relações Internacionais terá que compreender e ter visão crítica sobre as intrincadas relações entre os países no mundo globalizado, em campos como economia, comércio, cultura, política e direito internacional. Para tanto, a graduação oferece uma ampla gama de matérias que abordam todos esses temas.

Algumas disciplinas básicas também são fundamentais para o curso, nas áreas de História, Geografia, Antropologia, Administração e Marketing.

A grade curricular não traz idiomas, mas o aluno deve dominar alguns deles, principalmente o inglês e o espanhol. Outras dicas para se diferenciar no mercado seriam o mandarim, o alemão e o francês.

O estudo e o aperfeiçoamento em línguas estrangeiras devem ser feitos à parte da faculdade, embora muitas instituições ofereçam em sua própria estrutura oficinas de idiomas, ou ainda matérias optativas dentro do próprio curso de Relações Internacionais.

Confira agora as principais disciplinas que costumam fazer parte do curso:

  • Análise das Relações Internacionais
  • Antropologia
  • Comércio nas Relações Internacionais
  • Competitividade e Inovação
  • Cooperação Internacional
  • Direito Internacional dos Direitos Humanos
  • Direito Internacional Público e Privado
  • Economia Política Internacional
  • Formação Econômica, Política e Social do Brasil
  • Geografia e Meio Ambiente
  • Globalização
  • História da Política Externa do Brasil
  • História das Relações Internacionais
  • Introdução ao Estudo das Relações Internacionais
  • Microeconomia e Macroeconomia
  • Organizações Internacionais
  • Política Externa Brasileira
  • Processos de Integração Regional
  • Relações Internacionais Contemporâneas
  • Segurança Internacional
  • Sistema Financeiro Internacional
  • Sociologia das Organizações
  • Teoria das Relações Internacionais
  • Teoria Política Moderna e Contemporânea

Onde estudar Relações Internacionais EAD?

O Ministério da Educação (MEC) relaciona somente três faculdades que oferecem o curso de Relações Internacionais a distância: o Centro Universitário Claretiano (CEUCLAR), a Universidade Metropolitana de Santos (UNIMES) e o Centro Universitário Internacional (UNINTER).

Já na modalidade presencial, a oferta é muito maior, superando as 100 opções cadastradas pelo Ministério – o aval do MEC é imprescindível para que os diplomas tenham validade em todo o Brasil.

Entre essas mais de 100 faculdades, destacamos a Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL) e o Centro Educacional (ANHANGUERA), duas instituições de renome e com várias unidades.

Mas se você quer mesmo estudar a distância, deve levar em conta outro curso dessa mesma área: o de Comércio Exterior.

A graduação em Comércio Exterior EAD é do grau tecnológico. Trata-se de um curso superior mais objetivo, de curta duração (dois anos) e que forma profissionais com alta empregabilidade.

O Comércio Exterior também aborda as relações internacionais, mas com foco mais específico na parte comercial, com ênfase no mercado financeiro, legislação alfandegária e em transações de exportação e importação.

A boa notícia é que a graduação em Comércio Exterior EAD tem maior oferta no país, com cerca de 40 faculdades. As instituições relacionadas abaixo são reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC.

Além disso, são faculdades com tradição no ensino a distância e que contam com uma grande rede de polos de apoio por todo o Brasil.

Veja também:

Comércio Exterior a distância

Já escolheu a sua faculdade de Relações Internacionais EAD? Ou está pensando também na possibilidade de Comércio Exterior? Conte para a gente aqui nos comentários!

Deixe seu comentário:

Versão para impressão Informar erro