dcsimg

6 dicas para escrever uma boa redação e passar no vestibular

(0.0 de 0)

Há algum tempo a redação se tornou uma das provas mais importantes para o vestibular, independentemente do curso pretendido. Para aumentar as suas chances de ingressar em uma universidade online, confira as nossas dicas!

estudar

Produzir uma boa redação não é de um dia para o outro. Escrever bem é um processo contínuo e demanda bastante dedicação. Hoje, a redação tem um grande peso no vestibular. É uma maneira eficiente de avaliar se o candidato possui conhecimento suficiente em relação a sua língua materna para ingressar num curso superior, seja presencial ou a distância. Confira algumas dicas para você elaborar uma boa redação no vestibular e aumentar as suas chances de ingressar em curso superior:

Mantenha-se bem informado

Ficar atento às atualidades é uma boa pedida para se preparar não apenas para a redação, mas também para outras provas do vestibular. Algumas provas de redação têm como tema assuntos a respeito de acontecimentos atuais. Além disso, alguns vestibulares têm prova sobre atualidades. Dessa maneira, é importante sempre se manter informado, por meio de jornais e revistas periódicos para realizar não apenas uma boa redação, mas também as demais provas que abordarem estes temas.

Leia bastante

Não adianta você querer escrever bem sem exercitar sua leitura. Quem tem o hábito de ler, por conseguinte, escreve bem. Se você quer redigir uma boa redação, leia muito. Livros, artigos na internet, revistas e jornais periodicamente.A leitura é um hábito que deve ser aprimorado cotidianamente, especialmente por quem está se preparando para o vestibular. Além de nos tornar reflexivos, facilita o entendimento de assuntos distintos e refina o vocabulário.

Pratique sua escrita

Para ajudar na sua preparação para o vestibular, escreva, pelo menos, 3 redações por semana. Procure variar os gêneros textuais – carta, artigo, dissertação, narração - e aprimorar a estrutura de cada um deles. Cada vez que você pratica, mais aprimorada fica sua escrita e maiores serão as chances de uma boa nota na redação.

Fique atento ao gênero da redação

Você pode se deparar com vários gêneros diferentes no momento de ler a proposta da redação. Pode ser uma dissertação, um artigo, uma carta ou uma narração. Cada gênero possui uma estrutura diferente e utilizá-la corretamente garante muitos pontos para o seu texto. A maioria dos vestibulares pede uma dissertação, um texto que você exponha sua opinião pessoal, mas que argumente de maneira impessoal – com verbos na terceira pessoa do singular. O mais importante, independentemente do gênero, é elaborar a redação a partir da estrutura básica: introdução, desenvolvimento e conclusão.

Organize as ideias do seu texto

É recomendado que você faça um roteiro de conteúdo, em tópicos, com as ideias centrais do seu texto. Essa forma de organização permite que você não esqueça os principais pontos que pretende abordar na sua redação. Depois de feito, faça um rascunho da sua redação, desenvolvendo o conteúdo conforme a estrutura feita. Assim, você não esquecerá de nenhum tópico a ser apresentado.

Evite vícios de linguagem

Temos vícios como utilizar gírias e termos abreviados comumente usados nas redes sociais e chats. Fique atento! Expressões coloquiais também são perigosas no momento da redação, assim como palavras abreviadas. Lembre-se das regras gramaticais como grafia, morfologia e semântica. Esses tipos de vícios são grandes inimigos para uma boa redação e para a utilização de um vocabulário correto.

Tenha bastante atenção no momento de redigir sua redação. Tire o máximo de informações possíveis do enunciado: ele fornece preciosas dicas para a elaboração da redação. E lembre-se: texto simples não é texto pobre. Tome cuidado com o vocabulário muito rebuscado para você não se perder em suas próprias palavras. O importante é ser bem compreendido passando ao leitor a ideia que você defende. Boa sorte!

Deixe seu comentário:

Versão para impressão Informar erro

-

Novidades sobre EAD

Cadastre-se para receber nossa newsletter e acompanhe as últimas notícias sobre EAD:

}, 7000);