dcsimg

Ensino a distância é reconhecido pelo MEC?

(0.0 de 0)

Diploma EAD vale tanto quanto presencial. Entenda como é o reconhecimento do ensino a distância pelo MEC!

Muita gente tem dúvidas se o ensino a distância (EAD) é reconhecido pelo MEC e se o diploma obtido em uma faculdade a distância tem validade no mercado. A resposta é sim! Cursos superiores a distância têm a mesma validade de cursos superiores presenciais.
Para os dois casos, a validade do diploma tem a ver com o reconhecimento do Ministério da Educação (MEC) e não com a modalidade de ensino.

Ou seja, se a faculdade tem a autorização e o reconhecimento do MEC para oferecer aquele curso, seja ele presencial ou a distância, o diploma tem validade em todo o território nacional.

Saiba mais sobre como funciona o reconhecimento do MEC para o ensino a distância e como descobrir se uma faculdade é autorizada pelo MEC!

Reconhecimento do MEC para EAD

O MEC é o órgão responsável por credenciar, autorizar, reconhecer e avaliar todas as instituições de ensino superior do País: públicas e privadas, presenciais e a distância. Além disso, o MEC também fiscaliza e atribui notas aos cursos de cada uma dessas universidades.

Existe um caminho a ser percorrido até que um curso a distância ou presencial seja reconhecido pelo MEC e seu diploma tenha validade. Primeiro a faculdade precisa ser credenciada, depois se pede a autorização do curso e, quando o curso já está em andamento, pode solicitar o reconhecimento do MEC.

Funciona assim:

1. Credenciamento da Faculdade a Distância

Antes de começar a oferecer cursos a distância, toda instituição de ensino superior precisa fazer o credenciamento junto ao MEC. Para isso, a faculdade deve apresentar uma série de documentos e, no caso das universidades a distância, seus endereços físicos (sede e polos de apoio presencial).

Regularmente, todas as instituições de ensino superior, públicas e privadas, presenciais e a distância, precisam refazer esse processo. É o chamado recredenciamento.

2. Autorização do Curso a Distância

Quando a faculdade já está credenciada pelo MEC, precisa pedir autorização para oferecer o curso a distância. Sempre que quiser abrir vagas para um curso novo, deve fazer esse processo. O MEC analisa mais uma série de documentos, como o projeto pedagógico do curso, a programação de aulas presenciais em laboratórios (quando houver), a carga horária e outros requisitos. Quando a faculdade consegue a autorização, já pode abrir as matrículas e receber novos alunos.

3. Reconhecimento do Curso a Distância

O reconhecimento de um curso a distância é fundamental para que o diploma emitido pela faculdade seja válido. O processo de reconhecimento pelo MEC acontece enquanto o curso já está em andamento e se inicia quando a primeira turma do curso autorizado chega na metade da carga horária prevista para aquela graduação. Ou seja, para um curso a distância com previsão de 2 anos, o processo de reconhecimento é disparado quando os alunos terminarem o primeiro ano do curso.

O reconhecimento de cursos a distância e presenciais é feito para Bacharelado, Licenciatura e Tecnológico. Caso tudo corra bem com a análise da documentação, a primeira turma que se formar já terá o seu diploma reconhecido pelo MEC.

Avaliação do MEC para cursos a distância

O MEC avalia os cursos a distância usando os mesmos critérios aplicados em cursos presenciais. São três principais conceitos:

  • Conceito Preliminar do Curso (CPC): Leva em conta a titulação dos professores (graduados, pós-graduados, mestres, doutores), a quantidade de docentes em tempo integral e parcial, o desempenho dos alunos no Enade, a infraestrutura e os recursos didáticos. As notas vão de 1 a 5, sendo que o conceito 3 é considerado positivo e os conceitos 1 e 2 são insatisfatórios.
  • Conceito do Curso (CC): É feito a partir de uma avaliação presencial do MEC, podendo confirmar o CPC ou sugerir modificações.  As notas também vão de 1 a 5. No caso de cursos EAD, o MEC faz essa avaliação nos polos de apoio presencial da faculdade.
  • Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade): Avalia os conhecimentos e competências dos estudantes quanto às diretrizes curriculares de determinado curso de graduação.  O Enade acontece anualmente para diferentes áreas do conhecimento, em ciclos de avaliação. A nota do Enade vai de 1 a 5.

Como consultar a nota do curso a distância no MEC

As notas que o MEC atribui a cursos a distância e presenciais podem ser consultadas gratuitamente por qualquer pessoa, basta seguir o passo-a-passo:

1) Acesse o portal e-MEC

2) Clique na aba “Consulta Avançada”

3) No campo “Buscar por”, selecione “Curso de Graduação”

4) No campo “Curso”, digite o nome do seu curso.

5) No campo “UF”, selecione o estado.

6) No campo “Modalidade”, selecione a opção “A Distância”

7) Clique em “Pesquisar” e consulte a lista com os resultados.

Se o curso consultado recebeu um traço (-) como nota, pode ser que ele ainda não tenha passado pela avaliação do MEC. Desde que o curso seja reconhecido, mesmo que ainda não tenha nota de Enade, CC ou CPC, o diploma terá validade.

Cursos a distância reconhecidos pelo MEC

O número de cursos a distância reconhecidos pelo MEC não para de crescer. Somente em janeiro de 2015, o Ministro da Educação reconheceu 25 novos cursos EAD, totalizando mais de 13 mil novas vagas de ensino superior.

Se você estiver em dúvida se seu curso a distância é ou não reconhecido pelo MEC, faça uma busca no site e-mec  . Ao clicar em uma instituição, você pode navegar por todas as informações oficiais sobre a faculdade e os cursos que ela oferece.


Confira algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer cursos a distância:

Veja também:

Faculdades a distância reconhecidas pelo MEC

Você pretende fazer um curso a distância? Conte para a gente nos comentários!

Deixe seu comentário:

Versão para impressão Informar erro

-

Novidades sobre EAD

Cadastre-se para receber nossa newsletter e acompanhe as últimas notícias sobre EAD:

}, 7000);