dcsimg

Bolsas e financiamentos para cursos online

Atualizada em 18/11/2014 17:02

(0.0 de 0)

Com a expansão dos cursos online, o governo e muitas instituições de ensino a distância fornecem bolsas e financiamentos para aqueles que irão realizar algum curso nesta modalidade de ensino.

bolsas-financiamentos

Cursos online

De acordo com pesquisas do Ministério da Educação (MEC), um em cada cinco alunos optam pelo Ensino a Distância (EAD), cursos que podem ser realizados a maior parte do tempo online. Esta pesquisa confirma a consolidação e expansão do EAD no Brasil.

Desta forma, o governo viu a possibilidade de investimento nesse método de ensino, liberando o Programa Universidade Para Todos (Prouni) para cursos online de nível superior. As instituições que aderirem ao Prouni serão beneficiadas com redução nos impostos.

Prouni

O Prouni fornece bolsas parciais e integrais para os alunos que tiverem realizado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e obtiver nota média superior a 400 pontos em Ciências Humanas e suas Tecnologias, Matemática e suas Tecnologias, Ciências da Natureza e suas Tecnologias, Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, e a Redação. O candidato que zerar na Redação, perde a chance de concorrer a uma bolsa.

Além das notas no Enem, o aluno deverá ser avaliado de acordo com a situação financeira de sua família, não podendo ter uma renda superior a três salários mínimos per capita. O Prouni disponibiliza grande quantidade de bolsas para o ensino a distância, mas de acordo com o MEC, cerca de 90% dessas bolsas não são ocupadas. Muitos estudantes não sabem que é possível ingressar em uma instituição EAD pelo Prouni e acabam perdendo a oportunidade de iniciar seus estudos no ensino superior.

Fies

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) é um programa do Governo que garante o pagamento do curso após a formação acadêmica, mas ele não beneficia ainda cursos online.

Negociação direta com a Instituição

Outra opção de ajuda financeira para realização de um curso online é contatando a própria instituição de ensino que pretende estudar, seja ela de nível técnico ou superior. Em muitos casos, são oferecidos financiamentos, descontos, entre outros. Alguns financiamentos privados garantem que o aluno pague sua mensalidade por um período maior, dividindo a parcela da mensalidade em duas. Assim, se o curso tem duração de um ano, o pagamento poderá ser feito em dois anos.

Os financiamentos podem ser de até 100% da mensalidade do curso. Porém, estes não possuem ligação com o governo. O desconto de pontualidade é fortemente usado pelas Instituições. O estudante recebe um desconto por efetuar o pagamento no prazo preestabelecido. Dependendo da Instituição de ensino, outros benefícios podem ser fornecidos, como descontos por tipo de curso, turno, data de matrícula, boa classificação no processo seletivo ou até pelo simples fato de dois irmãos se matricularem na mesma Instituição.

A melhor opção para os estudantes que desejam obter algum tipo de bolsa ou financiamento é entrar em contato com a Instituição e ver se ela tem alguma ligação com algum programa do governo, caso contrário procurar saber quais são as propostas e analisá-las. A maioria das Instituições está aberta para a negociação, basta o candidato demonstrar interesse. Atualmente, é fácil encontrar ferramentas que facilitem o ingresso e permanência em algum curso, seja ele online ou presencial. Tanto o Governo, quanto as Instituições buscam incentivar e abrir portas para o estudo, o objetivo é que cresça o número de pessoas com maior qualificação para o mercado de trabalho.  

Deixe seu comentário:

Versão para impressão Informar erro

-

Novidades sobre EAD

Cadastre-se para receber nossa newsletter e acompanhe as últimas notícias sobre EAD: